Qual a diferença entre protetor solar fator 30, 50 e 70?

Vichy ou La Roche-Posay

Você alguma vez já se pegou em dúvida quanto ao FPS que deveria escolher na hora de comprar o seu protetor? Hoje em dia no mercado é possível encontrar protetor solar fator 30, 50 e 70, e as pessoas tendem a pensar que quanto maior o FPS, melhor o protetor. Porém, isso depende exclusivamente da pele de quem vai usar o produto.

Também é comum vermos pessoas acreditando que o protetor com FPS70 protege mais do que o FPS30 e por isso você pode passar uma menor quantidade do produto na pele. Outras ainda imaginam que um FPS mais alto significa uma proteção maior, quando na verdade tudo está baseado no tempo de exposição ao sol.

Para que você entenda melhor qual a diferença entre os FPS do mercado, separamos um post completo sobre o assunto. Confira!

O que é FPS?

Antes de começarmos, é importante que você entenda como o FPS é calculado por quem vai usar o protetor. Resumidamente, o fator de proteção solar determina quanto tempo você pode se expor aos raios UV sem se queimar, de acordo com o seu fototipo.

o FPS é o fator que determina quanto tempo você pode ficar no sol sem se queimar
o FPS é o fator que determina quanto tempo você pode ficar no sol sem se queimar

Uma pessoa com pele extremamente clara é mais sensível ao sol do que pessoas com pele morena, o que quer dizer que precisam de um protetor com FPS mais alto. 

Leia mais sobre isso clicando aqui!

Qual a diferença entre protetor solar fator 30, 50 e 70?

A principal diferença entre protetor solar fator 30, 50 e 70 está no tempo de proteção e não na qualidade. Um protetor com FPS30 protege tão bem quanto um protetor com FPS70, porém, por menos tempo.

Para saber o tempo que você pode ficar no sol sem se queimar usando determinado protetor solar, multiplique o FPS pelo tempo mínimo que sua pele consegue ficar ao sol sem sofrer danos dos raios solares. 

a grande diferença entre os vários FPS's do mercado é no tempo de exposição antes de sofrer danos na pele
a grande diferença entre os vários FPS’s do mercado é no tempo de exposição antes de sofrer danos na pele

Isso quer dizer que um filtro solar com FPS 30 protege uma pessoa que começa a se queimar em 5 minutos de exposição solar por até 2 horas e meia. Isto é: 150 minutos. Após esse período, o indivíduo precisará reaplicar o produto para garantir a proteção.

Um grande engano em relação ao FPS é achar que quanto maior o fator de proteção, menos produto você precisa aplicar na pele. Porém, isso não somente é uma ideia errada do modo de usar o protetor solar como também contribui para o aumento de possíveis queimaduras.

Para que você consiga o FPS indicado no rótulo deve aplicar o protetor solar nas quantidades indicadas pelo fabricante, ou pelo menos 1 colher de chá de produto para cada região do corpo.

Qual protetor solar é mais recomendado?

Os especialistas afirmam que um protetor solar não deve ter um FPS menor do que 30, porém tudo depende exclusivamente do seu tipo de pele.

Uma pessoa morena não tem necessidade de aplicar um FPS70, levando em conta que com a proteção mínima ela consegue se expor até 15 horas e ainda assim ficar protegida contra os raios UVB e UVA, desde que não transpire em excesso nem entre na água.

Pessoas muito claras, no entanto, devem optar por FPS superior a 50 e peles morena média um FPS de pelo menos 40.

Leia também Qual marca de protetor solar mais indicada pelos dermatologistas?

Como escolher o melhor protetor solar?

Além de levar em conta seu fototipo e o FPS, ainda é necessário levar em conta alguns outros fatores que podem influenciar na sua experiência com o produto:

Textura

Peles extremamente oleosas devem optar por usar protetores em gel ou de textura mais fina e líquida, de forma que o produto não entupa os poros e não cause surtos de acnes.

Enquanto isso, produtos cremosos e cheios de hidrantes são uma ótima opção para quem tem pele seca, que pode ser usado por peles mistas caso seja oil free.

Leia também Qual é o melhor protetor solar para pele oleosa?

PPD

Além do FPS, outra sigla importante para quem deseja comprar um protetor solar é o PPD, fator que indica a proteção contra os raios UVA, causadores de problemas como envelhecimento precoce e câncer de pele. 

além de ficar de olho no FPS você também deve estar atento ao PPD
além de ficar de olho no FPS você também deve estar atento ao PPD

Embora algumas marcas não coloquem o número do PPD no rótulo, normalmente ele vem acompanhado de um sinal de +, e você deve sempre optar por um protetor com UVA+++ para garantir uma proteção maior e mais eficaz.

Resistência à água

Algumas marcas de protetores oferecem produtos que são à prova d’ água e não saem depois de um mergulho na praia ou piscina ou com o excesso de suor em dias mais quentes. Porém, não são todos os produtos que oferecem este benefício e é necessário ficar de olho e optar por aqueles que apresentam boa resistência para os dias de mar.

Além do mais, no dia a dia, você também deve ficar de olho nesse fator para evitar ter que reaplicar o protetor solar no meio do dia, especialmente em dias mais quentes, quando suamos mais do que o normal.

Depois de ver qual a diferença entre protetor solar fator 30,50 e 70, não deixe de usar nossas dicas na hora de escolher o protetor. Lembre-se que quanto mais clara sua pele, maior deverá ser o fator de proteção para garantir uma pele saudável e livre de danos causados pelos raios UV.

Confira as nossas opções de biquínis básicos e confortáveis aqui na Basickini!

Avise-em quando chegar Informaremos você quando o produto chegar ao estoque. Deixe seu endereço de e-mail válido abaixo.